terça-feira, 7 de setembro de 2010

A verdade sobre a moral eos bons costumes

O pior  de tudo quando tu te envolve num relacionamento com alguém, é que uma hora ou outra os defeitos vão começar a surgir e a te irritar que uma forma que tu vá aos poucos enlouquecendo, e que aquela pessoa que te encantava com cada movimento, impulso, palavra, toque, vai aos poucos se transformando em alguém que tu não conhece mais, e que vai te anojar até os últimos fiapos de cabelo da bunda, por que, caro amigo, não existe pessoas perfeitas, as pessoas podem ter centenas de qualidades e uma personalidade incrível, e ser lindo, e sexy e tu morrer de tesão por ela, mas espere um tempo, o tempo suficiente para tu conhecer bem a peça e todo aquele jeito com as palavras, todos aqueles olhares e diferentes jeitos de movimentar a boca que tu achava lindo, vai se transformar e o mostro que você acorda todo dia de manhã vai te lembrar que ela agora não penteia mais o cabelo, e a personalidade, era na verdade uma jogada de marketing pra ti ficar de 4 por ela, assim como os olhares e todo aquele papo de: vc joga video game todos os sabados? Juuuura? eu amo video game! *-* Ou aquilo de: Vc joga futebol com os amigos e prefere tocar uns instrumentos com seus amigos a ir no cinema aos fins de tarde? Ahhh eu não me importo, até acho bom. Era tudo mentira e todas aquelas coincidências performáticas e aquela coisa toda aos poucos vai ficando insuportável, e Cara, tem certeza que vc vai sair com os amigos a ficar em casa vendo filmes embaixo do edredom cmg? Sim, ele vai, sim ele não se importa mais, e você também, não se importa mais, na verdade, você quer que mude, quer que a chama da paixão  reascenda de novo, mas no fundo tu não aguenta mais ficar do lado dele e quer mesmo que ele saia pra você poder ficar sozinha em casa e fazer as coisas que gostava de fazer quando era jovem e ficava sozinha em casa sem seus pais. Seu relacionamento esta esgotado, você não o ama, tem certos rapazes que te deixam de pernas bambas no seu trabalho, ou aquele pai jovem que leva a filha á escola no mesmo horário que você leva o Junior, e ele também fía, ele mentalmente come todas as menininhas do escritório, e as vezes seus pensamentos se concretizam, e ele não aguenta mais transar contigo, na verdade nem tu aguentaria no lugar dele. Seus problemas não são mais por ciúme ou coisas mais simples... a família dele te detesta ( e isso é recíproco), as vezes falta  coisas em casa,e é horrível ver seu filho querer algo que tu não pode dar,e convenhamos que são várias coisas que vc n pode dar ultimamente, e o seu irmão que "tá no crack"  e ele nem ai, pq ofereceu trabalho no escritório praquele vagabundo como ele se refere, e ele não quis pq tem diploma, não vai trabalhar como office boy. Ou tudo aquilo que te irrita, como o fato dele "comer feito" como diz aquela sua prima chata( e ele parece que sempre faz isso na frente dela só pra te irritar), ou ele não cortar as unhas do pé e ficar horrendo, e aqueles pelos aparecendo pela roupa, aquele suor dele nos países baixos que te repugna, e outras milhares de coisas que ele faz que tu não aguenta mais.
 Talvez isso tudo seja mentira e um dia tu vai te pexar com o homem  da tua vida e viver com ele felizes para sempre, assim, sem mais, assim, fácil, talvez ele só não seja a pessoa certa, e quando ela chegar tu vai saber e dai sim, tua vida tenha tomado o rumo que tu tanto sonhou.

3 comentários:

LegalJunior disse...

lindo texto..
realmente a vida é assim...
temos q fazer de cada dia um novo sentimento..
seu blog ta show
to seguindo

http://legaljunior.blogspot.com/

Rodrigo Celi disse...

Moral e bons costumes são coisas que andam meio sumidas do mundo atual

LUIS disse...

É como escreveu Pe. Vieira "O tempo tira a novidade das coisas,
descobre-lhe os defeitos, enfastia-lhe o gosto,
e basta que sejam usados para não serem os mesmos".
Abraço,
Luís